Nome Comum: Flor-dos-macaquinhos, flor-dos-macaquinhos-dependurados, flor-dos-rapazinhos

Nome Científico: Orchis italica Poiret

Classificação Científica:
Reino Plantae
Divisão Magnoliophyta (Angiospermae)
Classe Liliopsida
Ordem Asparagales
Família Orchidaceae
Género Orchis
Espécie O. italica

Sinonímias: Orchis longicruris, O. purpurea

Estatuto de Conservação: NE - Não Avaliado

Planta comum. Caule: com 20 a 25 (máx. 50) cm de altura. Folhas: basilares lanceoladas, de margens onduladas, não maculadas ou maculadas de púrpura; brácteas membranosas, esbranquiçadas. Inflorescência: espiga ovóide densa, de 30 a 60 flores, rosa esbranquiçadas, rosadas, liláceas, por vezes purpúreas e raramente brancas; capuz ovóide, acuminado, nervado de rosa-violáceo ou púrpura; sépalas lanceoladas; pétalas oblongas. Labelo profundamente trilobado, pendente, finamente pontuado de manchas liliáceas ou purpúreas, raramente não maculado; lobo médio profundamente dividido em dois lobos secundários, lineares, separados por um fino dente; esporão cilíndrico, ligeiramente arqueado para baixo. A época de floração vai de Fevereiro/Março a Maio.

Ocorre em sítios parcialmente ensombrados, sobre solos calcários, de secos a frescos, em áreas abertas com pouca vegetação.

Espécie nativa da Europa, da Ásia ocidental e do Norte de África. Presente em Portugal continental.

Onde se pode encontrar:

Parque Natural do Sudoeste Alentejano e Costa Vicentina
Parque Natural do Vale do Guadiana



Sem ameaças a destacar.

Sem medidas a destacar.

Ligações Externas

Ver descrição detalhada na Flora iberica (1986-2012)

Flora-On: Flora de Portugal Interactiva (2014) | Sociedade Portuguesa de Botânica.

Autor: José Brites Monteiro Validado por: