Nome Científico: Hyacinthoides vicentina (Link & Hoffmanns.) Rothm. subsp. vicentina

Nome Comum: Jacinto-vicentino

Classificação Científica:
Reino Plantae
Divisão Magnoliophyta (Angiospermae)
Classe Liliopsida
Ordem Asparagales
Família Asparagaceae
Género Hyacinthoides
Espécie H. vicentina
Subespécie H. vicentina vicentina

Estatuto de Conservação: NA - Não Aplicável

Planta herbácea e vivaz, com bolbo (ovóide a globoso) escamoso que lhe permite uma renovação completa no ano seguinte. Folhas: 3 a 5 por bolbo, compridas e de margens onduladas. Flor: Azul-violácea a lilás; perianto em forma de estrela com 6 tépalas de extremidades direitas e 2 brácteas basais; anteras azuis com pólen amarelado.

Ocorre nos pousios e clareiras de matos temporariamente encharcadas (charcos temporários mediterrânicos), em solos húmidos argilosos, arenosos ou rochosos, geralmente na margem de linhas de água ou em locais mais sombrios.




Planta endémica de Portugal continental que ocorre na parte ocidental do país, especialmente na Costa Vicentina e no sudoeste alentejano, assim como no centro-oeste do território.

Onde se pode encontrar:

Parque Natural do Sudoeste Alentejano e Costa Vicentina

> Destruição do habitat (e.g. degradação dos Charcos temporários mediterrânicos)
> Aplicação de herbicidas
> Mobilizações profundas dos solo

> Preservação dos Charcos temporários mediterrânicos
> Manutenção da população

Ligações Externas

Flora-On: Flora de Portugal Interactiva (2014) | Sociedade Portuguesa de Botânica.

Ver descrição detalhada na Flora iberica (1986-2012)

Plano Sectorial da Rede Natura 2000 - Fichas de caracterização e gestão das espécies de Flora
Disponível no portal do ICNF

Autor: MVBIO