Nome Científico: Arnoseris minima (L.) Schweigg. & Körte

Nome Comum: Amarela

Classificação Científica:
Reino Plantae
Divisão Magnoliophyta (Angiospermae)
Classe Magnoliopsida
Ordem Asterales
Família Asteraceae
Género Arnoseris
Espécie A. minima

Sinonímias: Arnoseris pusilla, Hyoseris minima

Estatuto de Conservação: NE - Não Avaliado

Planta herbácea anual, escaposa. Caules: 10 a 50 cm, erectos, numerosos, simples ou raramente bifurcados, glabros, sem folhas, dilatados na parte superior. Folhas: basilares, dispostas em roseta, oblongas, dentadas, pubescentes. Inflorescência: flores amarelas e liguladas, agrupadas em capítulos terminais, solitários e homógamos; invólucro de 4-6 mm formado por brácteas linear-lanceoladas, acuminadas, acompanhadas por brácteas suplementares, muito pequenas, na base do invólucro. Fruto: aquénio. Floresce de Abril a Julho.

Ocorre em terrenos incultos, prados anuais ou pastagens de montanha, sobre solos secos, ácidos, pobres em azoto, desde os 600 aos 2200 m de altitude.

Distribui-se pela Europa central e ocidental e pelo norte de África. Em Portugal continental ocorre no centro e norte do território.

Onde se pode encontrar:

Parque Nacional da Peneda-Gerês
Parque Natural da Serra de São Mamede

Sem ameaças a destacar.

Sem medidas a destacar.

Ligações Externas

Flora-On: Flora de Portugal Interactiva (2014) | Sociedade Portuguesa de Botânica.

Autor: Jorge Araújo