Nome Científico: Quercus coccifera L.

Nome Comum: Carrasco, carrasqueiro, carvalho-dos-quermes, verdadeiro-carrasco

Classificação Científica:
Reino Plantae
Divisão Magnoliophyta (Angiospermae)
Classe Magnoliopsida
Ordem Fagales
Família Fagaceae
Género Quercus
Espécie Q. coccifera

Sinonímias: Quercus coccifera var. vera, Q. coccifera f. exserta

Estatuto de Conservação: LC - Pouco Preocupante

Arbusto denso de até 3 m, ramificando desde a base. Folhas: onduladas, concolores (verdes), glabras ou com tomento estrelado ou fundido-estrelado na base e face abaxial da folha, peciolo e nervuras, com 5 a 8 (máx. 9) nervuras secundárias, folhas brilhantes, espinescentes, com margem dentada. Cúpula: pequena e larga, acetabuliforme a cilíndrica; escamas roliças, pequenas e irregulares, trígonas, cuspidadas, por vezes livres ou ligeiramente fundidas na base, pugentes e erectas.

Planta que hibrida natural e frequentemente com Quercus rotundifolia, originando o nototáxone Quercus × airensis Franco & Vasc.

Espécie indiferente edáfica, tradicionalmente vista como basófila ou associada a calcários, por ter preferência por estações xerófiticas (o que acaba por ser comum nessas situações). Forma a orla natural de bosques de azinho (Quercus rotundifolia) climatófilos, ou de sobro (Q. suber) e azinho em estações edafoxerófilas, em macrobioclima tipicamente mediterrânico.

Ocorre no centro e sul de Portugal continental, exceptuando em altitudes acima dos 1000 m. Existem algumas populações isoladas na parte mediterrânica do vale do rio Douro.

Onde se pode encontrar:

Parque Natural do Sudoeste Alentejano e Costa Vicentina
Parque Natural do Vale do Guadiana
Parque Natural da Serra de São Mamede
Reserva Natural do Estuário do Sado




> Destruição de bosques e matos pré-florestais
> Bloqueio da dinâmica sucessional
> Alteração do uso do solo para cultivos (comum em calcários)
> Fogos

> Promoção da dinâmica sucessional
> Protecção e favorecimento das espécies arbóreas e arbustos pré-florestais nos ecossistemas
> Gestão de matos e etapas pioneiras da sucessão, no sentido de promover e acelerar a dinâmica sucessional para matos pré-florestais e bosques

Ligações Externas

Ver descrição detalhada na Flora iberica (1986-2012)

Flora-On: Flora de Portugal Interactiva (2014) | Sociedade Portuguesa de Botânica.

MITRA nature | ICAAM - Universidade de Évora
Biodiversidade da Herdade da Mitra

Autor: Carlos Vila-Viçosa