Nome Científico: Calopteryx haemorrhoidalis (Vander Linden, 1825)

Nome Comum: Caloptérix-negro, Gaiteiro-negro

Classificação Científica:
Reino Animalia
Filo Arthropoda
Classe Insecta
Ordem Odonata
Família Calopterygidae
Género Calopteryx
Espécie C. haemorrhoidalis

Sinonímias: Agrion haemorrhoidalis, Calopteryx almogravensis, C. asturica, C. occasi

Estatuto de Conservação: LC - Pouco Preocupante

Espécie que pode atingir um comprimento até 48 mm e 37 mm de envergadura. Tem uma coloração que varia entre o bronze-avermelhado escuro e o azul-violáceo escuro. O macho e a fêmea são similares, com algumas diferenças: o macho tem as asas castanho-avermelhadas, com largas manchas negras, ao passo a fêmea tem as asas mais claras, acastanhadas, com uma mancha castanho-escura nas extremidades (último terço da asa), e pterostigmas esbranquiçados. A parte inferior dos segmentos terminais do macho é avermelhada. Tanto os machos como as fêmeas têm as patas negras. Os olhos são escuros, normalmente com uma vasta mancha negra.

Ocorre, frequentemente, em ecossistemas lênticos. Ainda assim, tem preferência por ribeiros e rios com alguma corrente e barragens.

Apresenta uma vasta distribuição em Portugal continental, ocorrendo de norte a sul do país, tanto no litoral como no interior, até aos 900 m de altitude.

Onde se pode encontrar:

Parque Natural do Sudoeste Alentejano e Costa Vicentina
Reserva Natural do Estuário do Sado
Parque Natural do Vale do Guadiana
Parque Nacional da Peneda-Gerês
Parque Natural da Serra de São Mamede
Parque Natural de Montesinho




Sem ameaças a destacar.

Sem medidas a destacar.

Ligações Externas

Fauna Europaea | All European Animal Species Online
Distribuição da Calopteryx haemorrhoidalis

Mapa de avistamentos
iNaturalist.org

Comportamento territorial e reprodutor das libélulas Calopteryx virgo e Calopteryx haemorrhoidalis.
Faria (1995)

Autor: Eunice Venâncio